Quando o centro imita as periferias
Foto: Circuito Fora do Eixo

Quando o centro imita as periferias

Ir de bike pra feirinha de orgânicos logo depois de aproveitar a Paulista Aberta de domingo – mas bom mesmo seria curtir o Parque Augusta. Enquanto parte da classe média de São Paulo adere a práticas e causas sustentáveis, moradores das periferias que já cultivavam esses hábitos veem o assunto ser tratado como novidade e questionam a transformação real que isso provoca na cidade enquanto aproveitam a visibilidade dos temas para garantir direitos

    Até 2015, a jornalista Renata Penzani, 28, pedalava 10 km todos os dias na região do centro expandido de São Paulo para ir de casa ao local de trabalho. Da Vila Mariana, onde mora, até o escritório em Perdizes, ela demorava 45 minutos pra chegar. Neste ano, com a mudança para um novo emprego em Pinheiros, a jornalista teve que retornar para o transporte público. Além de voltar a gastar com as passagens, ela leva os mesmos 45 minutos na viagem de 8 km.

    “Isso indica um problema urbano grave: o lugar secundário que a qualidade de vida ocupa nas políticas de gestão pública”, diz ela, que agora utiliza a bike apenas nos finais de semana. Renata vê a bicicleta como uma forma de resistência e transformação no meio urbano. “Uma cidade ocupada é mais segura e acolhedora para todo mundo, não só para quem pedala, mas para quem anda, corre, buzina.”

    Apesar da crítica, em comparação com o passado recente, o cenário atual é mais animador para quem pedala: nos últimos quatro anos, São Paulo ganhou mais de 400 km de ciclovias e quase 300 estações de compartilhamento de bicicletas (280 bike sampa e 17 ciclosampa).

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.