Profissão

Como me tornei escritora. E a vida entre as palavras

Foto: Divulgação

Marina Colasanti fala sobre o início de sua carreira, suas motivações e sobre as dificuldades de quem trabalha com a escrita.

Ao longo de seus 79 anos, Marina Colasanti acumulou uma experiência vasta no mundo literário. Em setembro de 2017, publicou seu 60º livro pela editora Brinque Book, chamado “Tudo tem princípio e fim”.

Em 1962, começou a carreira no Jornal do Brasil, onde trabalhou por 11 anos em diversas áreas. Foi redatora, repórter, editora, colunista e cronista. Depois, trabalhou 18 anos na editora Abril, na revista Nova.

Conhecida por seus livros infantis, Colasanti já recebeu dezenas de prêmios literários, como o Jabuti em 1993, 1994, 1997, 2009, 2010, 2011 e, em 2014, venceu o prêmio na categoria Livro do Ano de Ficção. Em 2017, ela recebeu o 13º Prêmio Ibero-americano SM de Literatura Infantil.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.