Música de máquina: a revolução industrial do Kraftwerk 

Ideias de composição, sonoridades e usos da tecnologia do grupo alemão foram fundamentais não só para a música eletrônica, mas também ecoaram pelo rock, pop, hip hop e funk carioca. Com a morte do cofundador Florian Schneider, em abril de 2020, o Escuta discute o legado das suas inovações

    Temas

    Morto no dia 21 de Abril de 2020, Florian Schneider foi um dos fundadores do Kraftwerk, ao lado de Ralf Hutter. Pioneiro da música eletrônica, o grupo alemão foi uma influência central na música popular da última metade do século 20 e começo do 21, da música de pista de dança ao rock e o hip hop.

    Esta edição do “Escuta” repassa as origens e a formação da linguagem musical do Kraftwerk e analisa como as inovações tecnológicas — tanto as abraçadas pelo grupo, quanto as inventadas por seus membros — moldaram sua sonoridade tão característica. O programa conta também com a participação do DJ e produtor Renato Cohen, que demonstra o funcionamento e criação de música com uso de sintetizadores.

    Músicas do Programa

    • Kraftwerk - Boing Boom Tschak
    • Walter Carlos - Switched on Bach
    • Tangerine Dream – Phaedra
    • Kraftwerk - Tongebirge
    • Kraftwerk - The Model
    • Kraftwerk - Autobahn
    • Kraftwerk - Geiger counter
    • Kraftwerk - Telephone Call
    • Human League - Don’t You Want Me
    • Kraftwerk - Neon Lights
    • Kraftwerk - Computer World
    • Kraftwerk - Ohm Sweet Ohm
    • Kraftwerk - Europe Endless
    • Kraftwerk - Metal on Metal
    • Kraftwerk - Numbers

      Dicas da Edição

    • Fiona Apple – Ladies
    • Moses Sumney – Virile
    • Kaitlyn Aurelia Smith - The Steady Heart

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.