Por que o Brasil de Bolsonaro vai mal no ranking de corrupção

País cai duas posições em 2021 e fica em 96ª lugar em levantamento da Transparência Internacional que mede a percepção sobre o tema. Mau desempenho é recorrente. Entenda o que faz ele continuar assim

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    O Brasil caiu duas posições no ranking anual de percepção de corrupção elaborado pela ONG Transparência Internacional na comparação entre 2021 e 2020. O resultado foi divulgado nesta terça-feira (25). O país mantém seu baixo desempenho no levantamento no governo Jair Bolsonaro, presidente que prometia combater o problema. O “Durma com essa” mostra por quê. O programa traz ainda o redator Cesar Gaglioni falando sobre a morte do escritor e influenciador Olavo de Carvalho e o repórter especial João Paulo Charleaux comentando o golpe de Estado em Burkina Faso.

    Assine o podcast: Spreaker | Apple Podcasts | Deezer | Google Podcasts | Spotify | Outros apps (RSS)

    Colaborou Deisi Witz

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.