O potencial da variante delta de adiar o fim da pandemia

Cepa avança no mundo e faz países como Estados Unidos e Israel reverem flexibilizações. No Brasil, número de casos aumentou rapidamente

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    A delta, a mais transmissível das variantes do novo coronavírus, avança no mundo todo, preocupando governantes e especialistas. No Brasil, órgãos oficiais já apontam o rápido crescimento da circulação da cepa. O “Durma com essa” desta quinta-feira (5) mostra como a delta provocou o ressurgimento da pandemia em locais onde ela estava aparentemente controlada. Explica também os desafios que a mutação traz para o Brasil no momento em que o país só tem 20% da população totalmente imunizada. O episódio traz ainda o redator Marcelo Roubicek falando sobre o impasse dos precatórios e o repórter especial João Paulo Chaleaux comentando a indenização de indígenas australianos que foram roubados de suas famílias.

    Assine o podcast: Spreaker | iTunes | Google | Spotify | Deezer | Outros apps (RSS)

    Colaborou Roberto Soares

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.