Covid-19: o aperto nas restrições em SP um dia depois da eleição

Governo de João Doria anuncia recuo no plano de reabertura na capital e em outras regiões do estado que registraram aumento das internações. Anúncio é feito logo após a reeleição de Bruno Covas

Estamos com acesso livre temporariamente em todos os conteúdos como uma cortesia para você experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos de assinatura. Assine o Nexo.

    O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou na segunda-feira (30) que as regiões do estado que haviam avançado para a fase verde no plano de reabertura da quarentena vão regredir para a fase amarela, que impõe mais restrições ao funcionamento do comércio e outras atividades durante a pandemia. A medida, que inclui a capital paulista, foi anunciada no dia seguinte ao segundo turno que reelegeu Bruno Covas (PSDB). O “Durma com essa” fala sobre a mudança, tomada devido à alta nas internações pela covid-19 no estado. O programa traz ainda o redator Cesar Gaglioni, que comenta a baixa representatividade de mulheres nas prefeituras em 2020.

    Assine o podcast: Soundcloud | iTunes | Google | Spotify | Deezer | Outros apps (RSS)

    Colaborou Mauricio Abbade

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.