A vacina da covid está perto de ficar pronta. O que vem depois?

Pfizer anuncia conclusão da fase final de testes e diz que seu imunizante tem 95% de eficácia. Principal desafio é fazê-lo chegar à população

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    A farmacêutica americana Pfizer anunciou nesta quarta-feira (18) que a vacina que desenvolve com a empresa de biotecnologia alemã BioNTech tem 95% de eficácia contra a covid-19. Com a conclusão da fase de testes, empresa pedirá aprovação do imunizante junto a agências reguladores. O “Durma com essa” fala sobre os desafios de fazê-lo chegar a população, o que envolve encomendas internacionais, fabricação em larga escala e logística complexa. O programa traz também participações do redator Marcelo Roubicek, que fala sobre os efeitos da crise sobre os jovens que tentam entrar no mercado de trabalho, e do repórter especial João Paulo Charleaux, que comenta a importância dos Brics em 2020.

    Assine o podcast: Spreaker | Apple Podcasts | Deezer | Google Podcasts | Spotify | Outros apps (RSS)

    Colaborou Mauricio Abbade

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.