Os efeitos da redução de salários e suspensão de contratos na crise

Governo prorroga pela terceira vez regra que permite a empresas diminuir jornada dos funcionários durante a pandemia

    O governo federal publicou no Diário Oficial da União na quarta-feira (14) a prorrogação do programa que autoriza que empresas privadas reduzam salários e jornadas ou suspendam contratos de trabalho temporariamente. Instituída em abril, a regra agora vale até o fim do estado de calamidade pública, previsto para ser encerrado em 31 de dezembro de 2020. O “Durma com essa” fala do impacto da pandemia no emprego formal e os efeitos desse e de outros programas do governo na renda. O podcast traz ainda o repórter especial João Paulo Charleaux comentando a segunda onda da covid-19 na Europa e a redatora Isabela Cruz falando sobre o debate em torno das decisões do caso André do Rap no Supremo.

    Inscreva-se no festival “O Brasil em debate”, do Nexo + Nexo Políticas Públicas. São mesas, entrevistas e oficinas realizadas durante todo o mês de outubro. A participação é online e gratuita.

    Aproveite e também se cadastre na newsletter “Durma com essa”, o novo boletim diário noturno do Nexo que, além de trazer o podcast, apresenta os destaques da produção do jornal.

    Colaborou Mauricio Abbade

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.