As condições e as incertezas da volta às aulas presenciais

Maioria dos estados brasileiros não tem sequer cronograma para retorno às escolas. Dilema envolve perdas educacionais e o agravamento da pandemia

    O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), confirmou nesta segunda-feira (5) o retorno às aulas presenciais no estado. As escolas estaduais poderão reabrir na quarta-feira (7), mas decisão de retomada deve passar pelo crivo de prefeitos. O “Durma com essa” fala sobre as diferentes orientações no país, que envolvem unidades federativas, municípios e o sistema privado. O programa traz também o redator Cesar Gaglioni comentando o Prêmio Nobel de Medicina e o repórter especial João Paulo Charleaux falando sobre o tratamento do presidente americano Donald Trump contra a covid-19.

    Inscreva-se no festival “O Brasil em debate”, do Nexo + Nexo Políticas Públicas. São mesas, entrevistas e oficinas realizadas durante todo o mês de outubro. A participação é online e gratuita.

    Colaborou Mauricio Abbade

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.