Como a pandemia afeta as pequenas empresas no Brasil

Negócios menores sentem impacto da crise com mais força que os demais, segundo pesquisa do IBGE. Medidas de liberação de crédito passam por mudanças para que valores cheguem até a ponta

    As pequenas empresas são as que mais sentem os efeitos da crise do novo coronavírus, segundo pesquisa do IBGE divulgada na quinta-feira (30). Na segunda metade de junho, mais de 60% dos negócios com menos de 50 funcionários relataram impactos negativos, mais do que entre empresas médias e grandes. O “Durma com essa” de hoje fala sobre o cenário para os empresários, as medidas do governo para minimizar os problemas e as dificuldades enfrentadas pelas pequenas empresas para acessar crédito. O programa também tem participação do redator Cesar Gaglioni, que comenta as dúvidas em torno da nova nota de R$ 200 anunciada pelo Banco Central.

    Materiais de referência:

    Colaborou Laila Mouallem

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.