Os avanços na China para uma vacina contra a covid-19

Laboratório chinês anuncia que substância em testes induziu anticorpos em 90% dos pacientes que receberam a dose. Empresa tem parceria com governo de São Paulo para testar em larga escala no Brasil

Duas das mais promissoras vacinas em desenvolvimento contra a covid-19 serão testadas no Brasil. No sábado (13), a empresa de biotecnologia Sinovac divulgou que a substância na qual seus cientistas vêm trabalhando apresentou resultados animadores em testes na China. O laboratório tem uma parceria com o Instituto Butantan, ligado ao governo de São Paulo, que vai testar a vacina em larga escala no Brasil. Há um acordo similar entre a Fundação Oswaldo Cruz, federal, e a Universidade de Oxford, que desenvolve outra vacina no Reino Unido. O “Durma com essa” fala em que estágios estão essas vacinas e por que o Brasil tem sido procurado para testá-las. O programa também traz as participações do redator Estêvão Bertoni, que fala sobre o transporte público na pandemia, e João Paulo Charleaux, que explica como o turismo na Europa se prepara para a chegada do verão.

Colaborou Laila Mouallem

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.