O início do pagamento do auxílio emergencial na pandemia

Governo federal lança site e aplicativo para fazer o cadastro de trabalhadores que querem receber a renda básica durante a crise decorrente do novo coronavírus

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte de nossos conteúdos são exclusivos para assinantes, mas esta seção é de acesso livre sempre. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

O governo federal anunciou nesta terça-feira (7) o cronograma de pagamentos do auxílio emergencial para trabalhadores informais e autônomos afetados pela crise do novo coronavírus. Foram lançados também um site e um aplicativo para receber a inscrição de quem já não faz parte do Cadastro Único, sistema que reúne beneficiários de programas sociais do governo. O “Durma com essa” de hoje trata de como vão funcionar os pagamentos e dos desafios de transferir dinheiro para a população neste momento. O episódio também tem a participação do redator Estêvão Bertoni, que fala sobre o plano do Ministério da Saúde para afrouxar regras de quarentena em cidades onde o sistema de saúde não está sobrecarregado, e do repórter especial João Paulo Charleaux, que comenta o momento atual da China, epicentro inicial da pandemia.

Colaborou Laila Mouallem

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.