Ir direto ao conteúdo

A arte dos ruídos: quando barulho é música

Abordagem estética aparece em diferentes gêneros e artistas ao longo do tempo, da vanguarda ao pop. Podcast relembra trabalhos de Lou Reed, Sonic Youth e Yoko Ono

Temas

O encontro da harmonia musical com a dissonância ruidosa é um campo fértil. Suas possibilidades são exploradas desde o início do século 20 por artistas de diferentes áreas, na vanguarda e no pop. Esta edição do Escuta relembra trabalhos de nomes como Lou Reed, Sonic Youth, Merzbow e Yoko Ono.

Músicas do programa

OOIOO – Uma

Plastic Ono Band – Why

The Velvet Underground – The Black Angel's Death Song

Lou Reed – Metal Machine Music

Throbbing Gristle – Convincing People

Sonic Youth – Candle

MARS – Helen Fordsdale

Caetano Veloso – Ela, Ela

Satanique Samba Trio – Salve Satã e ponto final

Merzbow – Woodpecker no1

Prefuse 73 – Detchibe

Dicas da edição

Kiko Dinucci – Olodê

King Krule – Don't let the dragon (Draag On)

Colaborou Laila Mouallem

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes