A persistente violência contra mulheres. No Brasil e no mundo

Taxas de feminicídio permanecem altas, apesar de campanhas de alerta para agressões e feminicídio serem cada vez mais recorrentes

    Nesta segunda-feira (25), é celebrado o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres. Desde 1999, essa data, 25 de novembro, foi considerada pelas Nações Unidas como um momento de mobilização para combater esse problema de discriminação e agressão relacionada a gênero. Neste "Durma com essa", entenda o porquê do uso dessa data, relembre os números da violência contra mulheres no mundo, na América Latina e no Brasil – e conheça os serviços existentes no país para lidar com situações de agressão.

    Colaborou Natan Novelli Tu

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.