Ir direto ao conteúdo

Por que o índice de inflação de setembro foi negativo

IPCA registrou o menor resultado para o mês desde 1998. Mas essa não é uma medida a ser comemorada

    O IBGE divulgou na quarta-feira (9) a taxa de inflação do mês de setembro. O IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) caiu 0,04%, ficando negativo em relação a agosto. O movimento foi puxado pela queda nos preços de alimentos e bebidas, e representa o menor número para o período desde 1998. Os resultados são sintoma da retomada lenta da economia, marcada pelo desemprego e diminuição da renda e do poder de consumo dos brasileiros. O “Durma com essa” explica os números mais recentes e mostra como o Brasil passou de um cenário marcado pelo fantasma da hiperinflação para o cenário atual. Ouça:

     

    Materiais de referência

    Colaborou Laila Mouallem

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes