Ir direto ao conteúdo

Amazônia: queimadas, comoção e a acusação presidencial sem prova

Os focos de incêndio se proliferam, a hashtag #PrayForAmazonas chega ao topo no Twitter e o presidente do Brasil reage com mais uma declaração sem base em fatos comprovados

    Os aumentos de queimadas na Amazônia e a intensa fumaça que chega às cidades têm mobilizado as pessoas nas redes sociais. O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (21) que o governo está sensibilizado com o problema. Mas fez uma acusação sem provas: ligou os incêndios na região a ONGs que defendem a conservação da floresta. Não apresentou dados de investigação que embasassem tal afirmação. Não apresentou nenhuma evidência. O “Durma com essa” relata os fatos do dia e contextualiza a atual crise de meio ambiente. Ouça:

     
     

    Colaborou Laila Moualllem

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes