Os dados que mostram aumento no desmatamento da Amazônia

Números consolidados de junho de 2019 indicam alta de 88% na derrubada de floresta em relação ao mesmo período de 2018. Entenda como funciona o monitoramento por satélite

Dados do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) tornados públicos nesta quarta-feira (3) indicam que o desmatamento na Amazônia em junho de 2019 subiu 88% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Área de floresta derrubada equivale à área de mais de quatro cidades do Recife. Entenda no “Durma com essa” como derrubada de árvores vem aumentando e como funciona o monitoramento via satélite – que já foi posto em dúvida pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

 
 

 

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.