Ir direto ao conteúdo

A disputa jurídica até a primeira entrevista de Lula da cadeia

Depois de restrições impostas pela Justiça, ex-presidente detido em Curitiba há mais de um ano vai receber imprensa

    O ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski determinou nesta quinta-feira (25) que Luiz Inácio Lula da Silva poderá conceder sua primeira entrevista desde que foi preso pela Operação Lava Jato em abril de 2018. A autorização foi dada aos jornais Folha de S.Paulo e El País. A Polícia Federal tentou abrir o encontro, que ocorre nesta sexta-feira (26), a fim de que jornalistas de outros veículos de comunicação participassem como ouvintes, numa atitude controversa. Lewandowski barrou a medida. Entenda neste “Durma com essa” a batalha jurídica em torno dos pedidos de acesso da imprensa ao ex-presidente desde as eleições de 2018, quando o Supremo chegou a ser acusado de censura.

     

    Colaborou Laura Capelhuchnik

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes