Ir direto ao conteúdo

O decoro dos políticos: quando o jeito de se comportar é relativo

Nesta edição do ‘Politiquês’, uma conversa sobre a conduta requerida para exercer um cargo público e seus parâmetros

    Nos dicionários, decoro tem o seguinte significado: recato no comportamento, decência, acatamento das normas morais, dignidade, seriedade nas maneiras, compostura. É um conceito subjetivo, que consta na legislação brasileira de diferentes formas para parlamentares e chefes do Executivo. Quebrar o decoro pode levar até à cassação. Para aprofundar o tema, o “Politiquês” conversou com Eneida Desiree Salgado, professora de direito constitucional e direito eleitoral da UFPR. A dica de livro ficou com o jornalista e escritor Wagner Barreira. E a trilha sonora é do cantor e compositor Ronei Jorge.

     

    Materiais de referência

    Com produção e roteiro de Laila Moualleme colaboração de Ricardo Monteiro

     

     

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.