Ir direto ao conteúdo

O mea culpa de Bolsonaro sobre a reforma da Previdência

Presidente vai ao Congresso, diz que errou no passado ao ser contra mudanças na aposentadoria e dá sequência aos gestos de realpolitik da nova administração

    Na manhã desta quarta-feira (20), Jair Bolsonaro levou pessoalmente a proposta de mudanças na Previdência ao Congresso. Aproveitou para fazer um mea culpa sobre suas posições no passado. Após uma semana tumultuada, com a demissão de Gustavo Bebianno da Secretaria-Geral, o presidente começa agora a negociar a aprovação de uma alteração constitucional historicamente impopular. Ouça:

    Colaborou Laura Capelhuchnik

     

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes