Ir direto ao conteúdo

Dados do IBGE: um Brasil mais pobre e muito desigual

Pesquisa aponta agravamento entre quem tem menos. E persistência do fosso na comparação com quem tem mais

Dados do IBGE divulgados nesta quarta-feira (5) mostram que a pobreza e a extrema pobreza aumentaram no Brasil de 2016 para 2017. E que a desigualdade de renda continua sendo um problema sério no país. Neste “Durma com essa”, entenda as diferenças de conceito entre pobreza e desigualdade, relembre os debates em torno do tema e saiba quais são as saídas apontadas para que o fosso entre quem tem mais e quem tem menos seja reduzido.

 
 

Colaborou Laura Capelhuchnik

 

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.