Ir direto ao conteúdo

Ins·ti·tu·i·ção

A democracia é uma instituição. É aquilo que foi instituído, “in” + “statuere”, o que é colocado para ficar, para ser firme. A constituição é uma instituição, e ganha a ênfase do “com” ligado ao “statuere”; é uma instituição feita em conjunto. Nossas leis são uma instituição, nossas escolas são uma instituição, bem como nossas universidades e bibliotecas. As instituições, numa definição, são “a parte mais duradoura da vida social”. Isso pode abarcar muitas coisas: a língua que falamos, nossos gestos convencionais — em São Paulo, cumprimentar com um só beijo é uma instituição; no Rio, é uma instituição o cumprimento com dois —, os casamentos são uma instituição, e até mesmo nossos afetos são institucionais, mas isso quando vêm pré-fabricados, quando vêm de um lugar normativizado.

O verbo “statuere”, em latim, é botar algo de pé, fazer com que fique lá. É dele que vieram as “estátuas”, por exemplo. Remontando do latim ao protoindo-europeu, vamos de “statuere” à raiz “*sta-”, que aponta para muitos caminhos diferentes de consolidar, firmar, fazer algo existir com força no mundo. As instituições são apenas uma parte da questão. É dessa raiz que vêm também as diferentes formas de “resistência”. É com ela em mente que podemos criar — e nomear — a “estabilidade”. É com ela que “insistimos”; é com ela que “desistimos”. Está tudo nesse “-st-” que permanece até hoje no miolo dessas palavras: resi-st-ir, e-st-abilizar, insi-st-ir, desi-st-ir. É desse lugar, enfim, que se institui (in-st-itui) a vida: exi-st-ir, existimos.

Sofia Nestrovsky é mestre em teoria literária pela USP e colabora para revistas como Piauí, Quatro cinco um e Cult.

Os artigos publicados pelos colunistas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam as ideias ou opiniões do Nexo.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

Já é assinante?

Entre aqui

Continue sua leitura

Para acessar este conteúdo, inscreva-se abaixo no Boletim Coronavírus, uma newsletter diária do Nexo: