Testes represados, morte de Maradona: entendeu a semana?

Neste quiz, o ‘Nexo’ desafia seus conhecimentos sobre os fatos que marcaram os últimos dias

Estamos com acesso livre temporariamente em todos os conteúdos como uma cortesia para você experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos de assinatura. Assine o Nexo.

Os mais de seis milhões de testes para detectar o novo coronavírus encalhados em um armazém do governo federal, os dados sobre a pandemia no Brasil e a morte de um dos maiores jogadores da história do futebol. Esses são alguns dos fatos que marcaram a semana. Você conseguiu acompanhar tudo?

Neste interativo, coloque à prova seu conhecimento do noticiário. Todas as respostas apresentam um conteúdo do Nexo que pode ajudar no entendimento do tema, caso você tenha perdido alguma coisa.

Na segunda (23), o Ministério da Saúde admitiu que 6,8 milhões de testes RT-PCR para detecção da covid-19 próximos da data de validade estão represados em um armazém federal. Ao ser questionado sobre o assunto, qual foi a reação do governo?

Atribuiu o represamento à inação de estados e municípios
Justificou o represamento afirmando ter preferência pelos testes rápidos, que tem um custo menor
Afirmou que os testes serão vendidos a países vizinhos e ficarão armazenados até que a operação se concretize

Na terça (24), a universidade Imperial College, de Londres, divulgou dados sobre a taxa de transmissão da covid-19 no Brasil. O que essa taxa mostra sobre a atual situação da pandemia no país?

Um novo avanço da doença
Uma diminuição no número de infectados
Um indício de que as infecções não aumentaram com o relaxamento das medidas de isolamento social

Diego Armando Maradona morreu na quarta (25). Maior ídolo do futebol argentino, Maradona conduziu a seleção de seu país ao título da Copa do Mundo de 1986. Qual foi o adversário da Argentina na partida que decidiu aquele mundial?

Inglaterra
Brasil
Alemanha

A comunidade científica vem questionando os dados sobre a vacina da covid-19 desenvolvida pelo laboratório anglo-sueco AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford apresentados ao público na segunda (23). Qual o motivo dos questionamentos?

A não realização de uma das etapas de testes com a vacina
Inconsistências no cálculo da eficácia do imunizante
A mudança na tecnologia usada para a fabricação da vacina

Milhares de pessoas têm saído às ruas da Cidade da Guatemala, capital do país homônimo, em manifestações contra o governo local. Qual pode ser considerado o estopim dos protestos?

O aumento no preço das passagens do transporte público
A aprovação de uma proposta orçamentária que reduz investimentos em saúde e educação
O anúncio de uma nova quarentena nacional

Responda todas as perguntas para ver seu resultado final.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.