Ir direto ao conteúdo

O que você sabe sobre os ministros da Economia do Brasil?

Neste quiz, o ‘Nexo’ desafia sua memória e conhecimento sobre os nomes que comandaram a área econômica do país, do governo Sarney até Bolsonaro

     

    “É a economia, estúpido!” A frase dita em 1992 por James Carville, coordenador de campanha do ex-presidente americano Bill Clinton, tornou-se um clássico em discussões sobre a relação entre política e economia.

    Seu argumento central é que o estado da economia é determinante para os rumos políticos de um país. Quando a economia vai bem, governantes tendem a colher resultados positivos nas urnas. Quando a economia vai mal, o custo político também fica para quem está no comando do país.

    A economia brasileira, cuja história é recheada de reviravoltas e crises, parece não fugir da máxima da frase de Carville. À frente das decisões da área econômica determinantes para o destino do país estão os ministros da Fazenda.

    A pasta que cuida da economia ganhou esse nome no início da Velha República, sob a presidência de Deodoro da Fonseca. Além de “propriedade rural”, a palavra fazenda tem no idioma português o significado de “conjunto de bens”.

    Entre 1990 e 1992, sob a presidência de Fernando Collor de Mello, a pasta mudou de nome ao absorver outros ministérios, criando o Ministério da Economia, Fazenda e Planejamento. O sucessor de Collor, Itamar Franco, desfez a medida, separando as pastas e restabelecendo o Ministério da Fazenda. O nome e a configuração permaneceram até 2019, quando o presidente Jair Bolsonaro fez novas alterações.

    Neste quiz, o Nexo faz nove perguntas sobre os ministros que conduziram a área econômica do país desde o fim da ditadura militar, em 1985. O que você sabe sobre os ministros da Economia?

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes

    Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

    Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
    Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!