Ir direto ao conteúdo

O que você sabe sobre religiões de matriz africana? Faça o teste

Maioria chegou ao país com os negros escravizados em meados do século 16. Seguidores sofrem com intolerância e desinformação. Teste seus conhecimentos sobre rituais, origens e história

 

No mesmo mês de novembro em que se comemora a Consciência Negra, no dia 20, celebra-se, cinco dias antes, o Dia Nacional da Umbanda — uma das mais importantes religiões africanas no país, junto com o candomblé.

As matrizes africanas originaram diversas formas de manifestações sagradas — no Brasil, além do candomblé e umbanda, existem adeptos de tradições como jarê, terecô e xangô de Pernambuco, que se diferenciam quanto a rituais e história, ainda que compartilhem influências e filosofias vindas da África.

A maioria dessas tradições chegou ao país com os negros escravizados em meados do século 16. Ao mesmo tempo em que se incorporaram à cultura brasileira, estiveram na mira constante do racismo e discriminação. O Brasil pouco aprendeu sobre sua fé, e ainda hoje seus seguidores são alvos de intolerância e desinformação frequentes.

A liberdade de crença é “inviolável”, de acordo com artigo 5º da Constituição Federal. Ainda segundo o documento, é assegurado a todos os brasileiros o “livre exercício de cultos religiosos e tendo garantida a proteção aos seus locais de culto e às suas liturgias”.

Neste quiz, o Nexo faz dez perguntas sobre a história, a cultura e alguns dos principais conceitos relacionados às religiões de matriz africana. As questões foram elaboradas com a ajuda do sacerdote e cientista da religião Alexandre Cumino, autor de 12 livros sobre a umbanda. Quanto você sabe sobre o tema?

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO: A resposta à primeira questão do quiz, sobre a origem das principais religiões brasileiras de matriz africana, foi reelaborada para melhor clareza. O texto foi alterado às 16h40 de 23 de novembro de 2018.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes

Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!