Final da NBA será entre Celtics e Warriors pela 2ª vez na história

Com 17 títulos, os Celtics dividem a posição de maiores campeões da liga americana de basquete com os Lakers. Os Warriors vêm em seguida, com seis títulos desde 1947

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    Temas

    As finais da NBA (National Basketball Association), principal competição de basquete masculino dos Estados Unidos, começam nesta quinta-feira (2). Os times finalistas, Boston Celtics e Golden State Warriors, se enfrentam nas finais pela primeira vez em 58 anos. A última vez que eles decidiram o título foi em 1964, quando os Celtics foram campeões.

    Imagem do gráfico extra sobre finais da NBA

    Tradicionalmente, os times da NBA são divididos entre as conferência Leste e Oeste, com base na localização de sua cidade de origem. Na primeira fase, todas as equipes jogam entre si. Depois, disputam um mata-mata com os mais bem colocados de cada conferência. Os vencedores então jogam uma final, na qual o campeão é aquele que vencer quatro jogos, numa série de no máximo sete partidas.

    Os Warriors foram os primeiros campeões da NBA, em 1947. Na época, o time tinha base na cidade da Filadélfia e fazia parte da conferência Leste. A equipe mudou-se para São Francisco em 1962, quando adotou o nome San Francisco Warriors. O time foi chamado dessa maneira até 1971. Depois, passou a ter o nome pelo qual é conhecido hoje.

    O Boston Celtics empata em primeiro lugar com o Los Angeles Lakers em número de títulos da NBA: são 17 vitórias. Ao todo, os Celtics já estiveram em 21 finais. Os Lakers, em 32. Os Warriors já participaram de 11 finais, colecionando seis títulos. Dessas conquistas, três foram nos anos 2010.

    Continue no tema

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.