Libertadores chega ao final em ano dominado por brasileiros

Vencedor da partida vai disputar em 2022 o Mundial de Clubes da FIFA. No último fim de semana, o Athlético-PR derrotou o Bragantino na decisão da Sul-Americana

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    Temas

    Neste sábado (27), Flamengo e Palmeiras disputam às 17h a final da Copa Libertadores, o principal torneio de clubes do continente sul-americano. O vencedor da partida disputará o Mundial de Clubes da FIFA, em 2022, nos Emirados Árabes.

    Histórico das finais das principais competições. O Brasil ganhou quatro das últimas cinco disputas da principal competição de clubes do continente, a Libertadores

    O Palmeiras é o atual campeão da Libertadores, enquanto o Flamengo venceu a disputa anterior, em 2019. Quem ganhar no sábado levará o terceiro título para a casa, igualando-se ao Grêmio, ao Santos e ao São Paulo, os times brasileiros que mais venceram a competição.

    Em 2021, os torneios regionais foram dominados pelos times brasileiros. A final da segunda principal competição do continente, a Copa Sul-Americana, ocorreu no sábado (20) entre Athlético-PR e Bragantino. O time de Curitiba venceu o jogo único por 1x0 e foi campeão.

    Pela primeira vez na história, os quatro finalistas dos dois torneios são de um mesmo país. Na Libertadores, é a quinta vez que os dois finalistas são da mesma nação, e a quarta vez em que a final é brasileira (2005, 2006, 2020 e 2021). Entre 2007 e 2016, o regulamento da competição dificultava finais entre times de um mesmo país, forçando semi-finais entre eles.

    Colaborou: Marcelo Roubicek

    Continue no tema

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.