O aumento dos registros de armas no Brasil com Bolsonaro

De 2019 a setembro de 2020, média foi de 9.319 ao mês. Número é mais do que o dobro da série histórica. Rio Grande do Sul é o estado com mais registros

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui