SpaceX enviará primeira tripulação só com civis para o espaço

Viagem é bancada pelo bilionário Jared Isaacman, que escolheu a dedo os outros três tripulantes que o acompanharão

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    Pela primeira vez na história, quatro civis viajarão à órbita da Terra em um foguete sem a presença de astronautas profissionais. A viagem espacial, que ganhou o nome de Inspiration4, será liderada pelo bilionário americano Jared Isaacman, fundador e executivo-chefe da empresa de comércio eletrônico Shift4 Payments. Os tripulantes viajarão a bordo de um foguete da SpaceX, do também bilionário Elon Musk. O lançamento acontece na quarta-feira (15) a partir do Kennedy Space Center, na Flórida.

    Jared Isaacman é quem está arcando com todos os gastos da viagem. O custo total não foi divulgado. Ele selecionou a dedo os outros tripulantes que o acompanharão. Sian Proctor, de 51 anos, é professora de geociências na Universidade de Arizona e defende o fortalecimento das mulheres negras na indústria espacial. Chris Sembroski, 41, é ex-oficial da Força Aérea dos Estados Unidos, engenheiro de dados e fez diversos trabalhos voluntários ligados à astronomia. Por fim, também viajará a bordo do foguete Falcon 9 a médica Hayley Arceneaux, de 29 anos, que trabalha no St. Jude Children's Research Hospital.

    De acordo com o magnata da tecnologia, o passeio espacial foi concebido para gerar visibilidade em torno deste instituto, que se tornou uma de suas principais causas de apoio. Ele próprio prometeu doar US$ 100 milhões ao hospital St. Jude. O lançamento do foguete à orbita da Terra será transmitido ao vivo pelo canal da Netflix no Youtube. A plataforma lançará mais tarde uma série documental sobre a viagem.

    Se a missão for bem-sucedida, pode ajudar a inaugurar uma nova era de turismo espacial comercial. Empresas como a SpaceX passarão a competir por clientes ricos e dispostos a pagar valores exorbitantes por um passseio no espaço. A Inspiration4 também pode ajudar a medir os riscos envolvidos em uma viagem como esta. Os quatro tripulantes que embarcam na quarta-feira (15) precisaram passar por um rigoroso treinamento teórico e físico para garantir sua estadia de três dias na órbita do planeta.

    Apesar da SpaceX ser a empresa mais bem-sucedida até o momento no ramo das viagens espaciais, concorrentes como a Virgin Galactic e a Blue Origin - dos bilionários Richard Branson e Jeff Bezos - também começam a ganhar projeção. Seus próprios fundadores já fizeram viagens ao espaço para lançar a modalidade ao mercado, levantando questionamentos éticos que envolvem o lixo espacial e o uso de infraestrutura pública para fins privados.

    Continue no tema

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.