7 chaves para entender os lucros recordes da Petrobras

Estatal tem resultado positivo de R$ 44,6 bilhões no primeiro trimestre de 2022 e sofre ataques de Bolsonaro. O ‘Nexo’ explica como os ganhos da empresa se inserem no debate sobre o preço do combustível

    A Petrobras registrou lucro de R$ 44,56 bilhões nos três primeiros meses de 2022. O valor foi 37 vezes maior que o do mesmo período de 2021. A estatal também anunciou a distribuição de R$ 48,5 bilhões em dividendos para acionistas, incluindo a União, que tem participação majoritária na empresa.

    Em live após a divulgação do resultado na quinta-feira (5), o presidente Jair Bolsonaro (PL) chamou o lucro de “estupro” e “crime”, e voltou a criticar a política de preços da estatal. O mandatário disse que “a Petrobras não pode quebrar o Brasil”.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.