Como Bolsonaro lida com a conta de luz no ano eleitoral

Governo publica decreto para avançar com socorro ao setor elétrico em 2022. Medida deve amenizar alta da energia no ano, mas terá repercussões de longo prazo

O presidente Jair Bolsonaro editou na quinta-feira (13) um decreto que regulamenta o socorro ao setor elétrico em 2022. O resgate havia sido publicado por medida provisória em dezembro de 2021.

A medida deverá ter como efeito a contenção da alta da conta de luz em ano eleitoral. Mesmo com a melhora da crise hídrica e energética a partir dos últimos meses de 2021, a expectativa é que a energia elétrica continue subindo.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.