Europa, China e Brasil: as crises de energia pelo mundo

Movidos por encarecimento do gás natural, falta de carvão e escassez de chuvas, problemas elétricos podem impulsionar preços e atrapalhar a atividade econômica em diferentes lugares do mundo

    A crise do setor elétrico em 2021 não é uma exclusividade brasileira. Europa e China também enfrentam problemas na geração de energia, que têm o potencial de prejudicar não apenas a população – com aumentos na conta de luz e apagões – como também a economia.

    As crises ocorrem em momento de retomada da economia a nível global. Com o avanço da vacinação ao redor do planeta, a atividade econômica está esquentando – mas problemas com abastecimento de energia podem prejudicar esse movimento.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.