O que são federações partidárias. E quais os efeitos da medida

Congresso derruba veto de Bolsonaro e impõe um recuo em relação a medidas que vinha adotando para reduzir o número de legendas no país

    O presidente Jair Bolsonaro vetou a proposta de criar federações partidárias no Brasil no início de setembro. Mas o Congresso derrubou o veto na segunda-feira (27). A medida, promulgada dois dias depois, já vale para as eleições de 2022.

    As federações partidárias têm potencial de dar sobrevida a pequenos partidos em meio a medidas que buscam reduzir o elevado número de siglas no Brasil – 33 registradas atualmente no Tribunal Superior Eleitoral –, como a cláusula de desempenho e o fim das coligações proporcionais.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.