Os principais pontos da reforma do IR aprovada na Câmara

O ‘Nexo’ explica o que está no projeto de lei e conta como foi costurado o acordo para a votação entre deputados. Texto agora precisa ser analisado pelo Senado

    A Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira (1°) o projeto de lei com a reforma do Imposto de Renda apresentada pelo governo federal. O texto agora segue para análise do Senado.

    O projeto reajusta as faixas de cobrança de Imposto de Renda de Pessoa Física e implementa a tributação sobre a distribuição de lucros e dividendos, que são isentos no Brasil desde 1995. A aprovação com amplo apoio – o placar final foi de 398 a 77 – significou o fim de um impasse em torno da reforma na Câmara. Três tentativas anteriores de votar o projeto haviam sido frustradas por falta de acordo.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.