A ‘epidemia’ de atentados com armas de fogo nos EUA

Presidente americano usa termo médico para se referir à série de tiroteios que começou em março de 2021, trazendo um custo bilionário para o sistema de saúde do país

    Um homem armado matou pelo menos oito pessoas a tiros dentro de um hangar da empresa privada de correios FedEx em Indianápolis, capital e cidade mais populosa do estado de Indiana, no noroeste dos EUA, nesta quinta-feira (15).

    O autor dos disparos se matou no momento em que a polícia chegou, por volta das 23h no horário local, 22h no horário de Brasília. Além das oito vítimas fatais, outras sete pessoas foram feridas, das quais cinco foram hospitalizadas, pelo menos uma delas em estado grave.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.