7 anos de renovação urbana em Xangai num vídeo de 7 minutos

Usando filmagens de drone e fotografias com lapso de tempo, curta-metragem de Joe Nafis revela nuances do desenvolvimento de um bairro da metrópole chinesa

O Nexo é um jornal independente sem publicidade financiado por assinaturas. A maior parte dos nossos conteúdos são exclusivos para assinantes. Aproveite para experimentar o jornal digital mais premiado do Brasil. Conheça nossos planos. Junte-se ao Nexo!

    O videógrafo americano Joe Nafis acompanhou e registrou a transformação urbana do bairro de Laoximen, localizado em Xangai, de 2009 a 2017. Com as imagens, produziu um curta-metragem em que documenta o processo de mudança. Intitulado “Demolish”, com duração de sete minutos, o curta reúne filmagens feitas com drone e fotografias com lapso de tempo que retratam a demolição de mais de 25 edifícios de arquitetura tradicional chinesa e da sua substituição por arranhas-céus.

    A transformação da vizinhança fazia parte das medidas previstas pelo Plano Diretor Urbano de Xangai, aprovado em 2001. Segundo a legislação, a substituição das construções de Laoximen por grandes prédios integra uma série de iniciativas cujos objetivos são transformar a cidade em uma “metrópole internacional de modernização socialista” e alavancar seu potencial de centro econômico e marítimo internacional.

    No curta, um quarteirão repleto de edifícios é derrubado por guindastes e dá lugar a mega empreendimentos construídos a partir de sistemas incrivelmente eficientes, que contam com a participação de diversas máquinas e milhares de operários. Veja abaixo:

    Nafis, que vive na cidade desde 2009, disse em uma entrevista para o portal That’s Shangai que o objetivo de “Demolish” é mostrar às pessoas como um processo de renovação urbana acontece. “Alguns acham que é bom, outros acham que é ruim... é o que é", afirma.

    “Demolish” foi lançado em 2018 e, naquele ano, foi um dos selecionados para o “Time Lapse Film Festival”. No site de Nafis, além do curta, também estão expostas fotos da demolição dos edifícios.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.