Como lidar com o presente e pensar no futuro via literatura

Joca Reiners Terron, Ligia Gonçalves Diniz e Stephanie Borges participaram do ‘Festival Nexo + Nexo Políticas Públicas: o Brasil em debate’

    O escritor Joca Reiners Terron (“A morte e o meteoro), a jornalista, tradutora e poeta Stephanie Borges (“Talvez precisemos de um nome para isso”) e a professora de literatura Ligia Gonçalves Diniz, da Universidade de Brasília, participaram neste sábado (10) da mesa “Como lidar com o presente e pensar no futuro a partir da literatura”, do “Festival Nexo + Nexo Políticas Públicas: o Brasil em debate”.

    Terron falou sobre a perda de espaço da literatura entre as novas gerações, que estão diante de inúmeras outras mídias e formas de se contar histórias. É uma conjuntura a que ele se referiu como “pós-alfabética”, na qual o texto escrito já não tem mais tanta importância.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.