Como reduzir o impacto da pandemia em tempos de reabertura

Agentes comunitários e tecnologia são meios para indicar quem teve contato com caso confirmado de covid-19 e deve ficar em quarentena. Estados começam a reabrir a economia em meio à aceleração do contágio

Achatamento da curva de contaminação e capacidade hospitalar. Esses são os grandes eixos que orientam os planos estaduais e municipais de reabertura gradual da economia, bem como as recomendações federais de retomada.

A Organização Mundial da Saúde, mais rigorosa, afirma que a flexibilização do isolamento social exige também que o poder público se planeje para garantir uma infraestrutura de rastreamento e amparo de casos confirmados e suspeitos. Isto é, além da infraestrutura médico-hospitalar, é necessária também uma rede de assistência social que evite a reaceleração da curva de contágio.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.