O lançamento de ‘Brás Cubas’ nos EUA. E outros clássicos no exterior

Obra de Machado de Assis chegou em solo americano como sucesso comercial. Estoques das principais lojas já estão esgotados

Temas

“Um dos livros mais sarcásticos já escritos”. Foi com essa frase que a revista New Yorker, uma das mais importantes dos EUA, definiu “Memórias póstumas de Brás Cubas”, clássico escrito por Machado de Assis, que foi relançado ao público americano na segunda-feira (1º).

A reedição, que ganhou o título “The posthumous memoirs of Brás Cubas”, foi lançada pela Penguin, uma das principais editoras do país, e chegou às lojas com grande sucesso, ficando fora de estoque nos sites da Amazon e da rede de livrarias Barnes & Nobles dada a procura.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.