Além de Minneapolis: os protestos raciais por todos os EUA

Morte de homem negro, rendido em abordagem policial, desperta onda de indignação, com marchas, saques e ataques a delegacias em várias cidades americanas

    Na quinta-feira (29), pela terceira noite seguida, manifestantes saíram às ruas da cidade de Minneapolis, no estado de Minnesota, no centro-oeste dos EUA, para protestar contra a violência policial e o racismo.

    Os protestos se tornaram cada vez mais violentos e se espalharam por outras cidades do país, como Nova York, Denver, Phoenix, Columbia e Ohio, em alguns casos com manifestantes tentando invadir prédios de prefeituras.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.