Informalidade e coronavírus: as medidas dos apps e a renda em xeque

Dificuldade de trabalhadores informais pararem durante pandemia ilustra a forma desigual com que o vírus atinge mercado de trabalho. Aplicativos de entrega e transporte anunciam medidas para profissionais

Até a tarde da sexta-feira (13), cerca de 140 mil casos do novo coronavírus foram registrados ao redor do mundo.

A pandemia tem reverberações para além de questões de saúde: na quarta-feira (11), o presidente americano Donald Trump anunciou uma proibição de viagens da Europa para os EUA por 30 dias. A decisão sacudiu mercados do mundo todo, incluindo a Bolsa de Valores de São Paulo, que fechou o dia com uma queda de 14,78% e teve o pregão interrompido duas vezes no mesmo dia.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.