Violência policial: registros, discurso e ações do governo de SP

Eleito com discurso linha-dura, João Doria se equilibra entre elogios à PM e repreensão a desvios de conduta. Número de mortos pela polícia e de denúncias de abusos aumentaram em 2019 

    O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), adotou durante a campanha de 2018 um discurso linha-dura, pegando carona na onda de extrema direita que elegeu o presidente Jair Bolsonaro e o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, além de parlamentares ligados à área da segurança.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.