A desigualdade no Brasil. E o lugar reservado às domésticas

Declaração de Paulo Guedes sobre viagem à Disney gerou repercussão negativa até no governo. O ‘Nexo’ conversou com uma socióloga e uma historiadora sobre o que a fala revela em relação à sociedade brasileira

    Todo mundo indo para a Disneylândia, empregada doméstica indo para Disneylândia, uma festa danada. Pera aí”, afirmou o ministro da Economia, Paulo Guedes, na quarta-feira (12), durante o Seminário de Abertura do Ano, organizado pelo grupo Voto. Ele comparava o valor atual do dólar, que tem atingido repetidas altas desde 2019, com o câmbio de anos atrás, quando a moeda americana girou em torno dos R$ 1,80.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.