Ir direto ao conteúdo

150 mil obras de arte de museus de Paris disponíveis online

Iniciativa de 14 instituições agrega imagens de seus acervos, com licença Creative Commons para copiar, modificar e distribuir a obra 

No início de janeiro de 2020, a Paris Musées, uma instituição pública da cidade de Paris responsável por gerir 14 museus da cidade, liberou ao público o acesso e controle a milhares de obras que ficam em seu acervo.

As obras digitalizadas estão disponíveis na área dedicada a coleções do site da instituição, que existe desde 2016 e reúne mais de 300 mil imagens. Com a iniciativa, mais de 150 mil delas estão disponibilizadas com uma licença Creative Commons CC0, relativa a obras em domínio público. Isso significa que qualquer pessoa pode copiar, modificar e distribuir a obra, mesmo que para fins comerciais.

A iniciativa está alinhada à rede Open Glam, que reúne museus, bibliotecas e arquivos e os incentiva a divulgar suas coleções online. Segundo o diretor para área digital, comunicação e desenvolvimento da Paris, Philippe Riviere, há uma equipe dedicada a avaliar quais imagens podem ser disponibilizadas com a licença CC0.

A ideia é disponibilizar as imagens também em outros bancos de dados abertos, como o buscador CC Search e a Wikimedia Commons.

Com a medida, imagens de artistas famosos, como Rembrandt, Gustave Courbet, Paul Cézanne e muitos outros passam a ser disponibilizadas. A imagem de cada obra é acompanhada de ficha técnica, com informações como data, autoria, dimensões e uma breve sinopse.

O site usa a imagens do quadro “A apresentação no templo”, de Jacques Daret, como exemplo da iniciativa. Pintada entre 1434 e 1435 para uma exposição na Catedral de Notre-Dame e atualmente no acervo do museu de Beaux-arts de la Ville de Paris, a obra retrata a Virgem Maria e o menino Jesus em um templo decorado com cenas do Antigo Testamento.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes

Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!