Ir direto ao conteúdo

Como um algoritmo descobriu que Shakespeare teve um coautor

Inteligência artificial criada por pesquisadores da Academia Tcheca de Ciências achou indícios de que a peça ‘Henrique VIII’ não foi escrita exclusivamente pelo Bardo

Temas

A peça “Henrique VIII” é uma das principais da carreira de William Shakespeare (1564-1616). Encenada pela primeira vez em 1613, ela conta a história do rei Henrique 8º (1491-1547), o responsável por dar início à Reforma Protestante na Inglaterra após desentendimentos com o Papa Clemente 7º e a Igreja Católica.

Desde 1850 há sugestões de que a peça não foi escrita somente por Shakespeare. Parte dos acadêmicos que estudam a obra do Bardo aceita a hipótese que coloca o dramaturgo britânico John Fletcher (1579-1625) como colaborador na concepção de “Henrique VIII”.

Um algoritmo desenvolvido na Academia Tcheca de Ciências em Praga, na República Tcheca, deu mais indícios de que Fletcher de fato contribuiu com Shakespeare na escrita da peça.

Como a descoberta foi feita

O estudo foi desenvolvido por uma equipe do Instituto de Literatura Tcheca da Academia Tcheca de Ciências. A equipe foi liderada por Petr Plechác, doutor em linguística na instituição.

Plechác e seu time desenvolveram um algoritmo que analisou quatro obras de Shakespeare e de Fletcher, individualmente. Com base nisso, a inteligência artificial entendeu o estilo, o ritmo e a escolha de palavras de cada um dos autores.

Posteriormente, o time fez com que o algoritmo analisasse “Henrique VIII” linha a linha. A equipe descobriu fortes indícios de que Fletcher de fato contribuiu com Shakespeare.

Segundo o algoritmo, Shakespeare escreveu as duas primeiras cenas de “Henrique VIII” e Fletcher escreveu as cinco cenas seguintes. Depois disso, o estudo aponta que os dois autores colaboraram em seis cenas, posteriormente voltando ao esquema de revezamento.

“O resultado claramente aponta que os dois autores estavam envolvidos”, afirmou Plechác ao jornal The Guardian.

A ideia de coautoria circula no meio literário desde que o crítico britânico James Spedding atribuiu parte da peça a Fletcher, em 1850, e é aceita por parte dos acadêmicos especializados em Shakespeare. Os resultados do algoritmo fornecem mais indícios que corroboram a hipótese.

A peça na obra de Shakespeare

A peça se passa inteiramente no interior das cortes de Henrique 8º, logo após o divórcio dele com Catarina de Aragão, mostrando como sua separação impactou o trono da Inglaterra.

“Henrique VIII” é considerada uma raridade dentro da obra do Bardo, por não apresentar um gênero tão definido quanto as demais peças de Shakespeare. Até hoje, ela não é tão apresentada ao redor do mundo quanto “Hamlet” ou “Romeu e Julieta”.

“É uma peça irregular”, afirmou à BBC Grace Ioppolo, professora de literatura inglesa na Universidade de Reading. “As pessoas não sabem em que gênero ela se encaixa, e entram no teatro sem saber se é uma peça histórica, um romance ou uma tragédia”, disse.

Para Ioppolo, o fato de a peça não ter um caminho muito bem definido a torna algo “esquisito e maravilhoso” dentro da carreira de Shakespeare.

Quem foi Henrique 8º

Membro da Dinastia Tudor, Henrique 8º nasceu na Inglaterra em 1491 e assumiu o reinado da Inglaterra em 1509.

Durante seu reinado, Henrique 8º teve seis esposas. Um desses casamentos foi o estopim para o início da Reforma Protestante na Inglaterra. Logo após assumir o trono, Henrique 8º se casou com Catarina de Aragão, a viúva de seu irmão, Arthur, o príncipe de Gales.

O casamento de Henrique 8º e de Catarina de Aragão não gerou nenhum herdeiro do sexo masculino que pudesse dar segmento à Dinastia Tudor. Para o rei, isso era uma espécie de punição divina por ele ter se casado com a viúva de seu irmão.

Em 1527, Henrique 8º pediu para que o Papa Clemente 7º anulasse seu casamento com Catarina de Aragão. O pedido não foi aceito, dando início a uma série de conflitos com a Igreja Católica. Em 1536, Henrique 8º anunciou a ruptura total da Inglaterra com o Vaticano e se proclamou Chefe Supremo da Igreja Anglicana. A segunda esposa de Henrique 8º foi Ana Bolena, que também teve seu casamento com o rei anulado em 1533, antes de ser executada pela Coroa.

Henrique 8º morreu em 1547, aos 55 anos de idade. No ano de sua morte, o rei estava obeso e diagnosticado com gota. Ele foi sucedido por seu filho, Eduardo 6º, fruto de seu casamento com Jane Seymour.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes

Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!