Por que o sinal de celular será bloqueado ao redor de Bolsonaro

Como parte de estratégia de segurança, Anatel autorizou a instalação de bloqueadores nos locais onde estiverem o presidente Jair Bolsonaro e seu vice, Hamilton Mourão

     

    As equipes de segurança do presidente da República, Jair Bolsonaro, e de seu vice, Hamilton Mourão, foram autorizadas pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) a usar bloqueadores de sinais de celulares onde eles estiverem. A medida foi publicada no Diário Oficial na segunda-feira (14).

    A Anatel atendeu a um pedido do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) da Presidência da República para utilizar os bloqueadores em “locais e adjacências” onde Bolsonaro e Mourão “trabalhem, residam, estejam ou haja a iminência de virem a estar”. O uso dos aparelhos ocorrerá num raio de 200 metros ao redor dos dois.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.