As novas regras para classificar agrotóxicos. E a liberação recorde

Marco regulatório aprovado pela Anvisa muda a classificação toxicológica dos produtos e como ela é apresentada em embalagens e rótulos

 

Na terça-feira (23), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou um novo marco regulatório que trata da avaliação e da classificação toxicológica dos agrotóxicos e sua apresentação em embalagens, bulas e rótulos dos produtos.

A classificação serve para alertar consumidores sobre o grau de periculosidade das substâncias e os problemas que elas podem trazer. Com a alteração, a expectativa de técnicos da Anvisa é que ao menos 500 produtos que hoje são classificados com os graus mais altos de periculosidade sejam rebaixados para graus mais brandos. A mudança acontece em um contexto de liberação recorde de agrotóxicos no Brasil.

ASSINE O NEXO PARA
CONTINUAR LENDO

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.