O que é racismo recreativo. E como ele se manifesta

Em declarações recentes, Jair Bolsonaro fez referências sexuais irônicas - em um dos casos, citou especificamente japoneses

     

    Durante visita a Petrolina (PE), na sexta-feira (24), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que o ministro Paulo Guedes teria razão em querer deixar o cargo, se for aprovada uma reforma da Previdência “de japonês”.

    “Se for uma reforma de japonês ele vai embora, é isso? Eu já respondi. Pequenininho. Lá (no Japão) é tudo miniaturizado”, afirmou Bolsonaro, ao ser questionado por jornalistas sobre as declarações de Guedes que, à revista Veja, havia sinalizado intenção de renunciar se for aprovada uma “reforminha”.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.