Ir direto ao conteúdo

O novo buscador de obras com licença Creative Commons

Organização internacional lançou site em que é possível buscar imagens de acordo com o tipo de licença desejado

     

    A Creative Commons é uma organização internacional sem fins lucrativos fundada em 2001 e sediada em Mountain View, na Califórnia.

    Seu propósito é aumentar a quantidade de obras disponíveis por meio de licenças padronizadas, que permitem sua cópia, difusão e, em alguns casos, até mesmo sua edição.

    Para tanto, a entidade cria modelos de licenciamento que podem ser facilmente adotados por criadores de conteúdo para seus trabalhos, em licenças conhecidas exatamente como Creative Commons.

    Em março de 2019, a empresa lançou uma iniciativa que tem como objetivo facilitar o acesso a essas obras.

    Trata-se de um buscador chamado CC Search, que passou anos sendo testado em modo beta e agora está oficialmente lançado. O mecanismo organiza mais de 300 milhões de imagens que fazem parte de 19 coleções.

    De acordo com informações do site Open Culture, dedicado à promoção de conteúdo gratuito, isso inclui obras de instituições como o museu Metropolitan de Nova York, do Cleveland Museum of Art, ambos nos Estados Unidos, fotos disponibilizadas na plataforma Flickr, entre outros.

    No site, é possível realizar buscas de obras com licença creative commons no geral, e também refinar a busca de acordo com o tipo específico de licença desejado.

    Por exemplo: licenças CC BY-SA são as que dão o maior grau de liberdade. Elas permitem a outros remixarem, adaptarem e criarem a partir de um trabalho original.

    A imagem que ilustra este texto, de Irina Rosca, tem licença BY-ND 4.0 e pode ser reproduzida mesmo comercialmente, mas não editada.

    Já licenças BY-NC-ND são as mais restritivas. Elas permitem apenas que terceiros façam o download de trabalhos e os compartilhem, atribuindo crédito ao autor. Não é permitido alterar os trabalhos, ou usá-los para fins comerciais.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

    Já é assinante?

    Entre aqui

    Continue sua leitura

    Para acessar este conteúdo, inscreva-se abaixo no Boletim Coronavírus, uma newsletter diária do Nexo: