Ir direto ao conteúdo

Este site reúne sons da natureza e remixes de músicos do mundo

Iniciativa faz parte de projeto mais amplo, que já mapeou sons de protestos e lugares sagrados, entre outras iniciativas

 

Lançado em 2014, o projeto colaborativo internacional  “Cities and Memory” cria mapas temáticos com sons de várias partes do mundo. Entre eles, mapas com os sons de lugares sagrados, protestos e criações musicais feitas para fotografias.

A iniciativa lançou em dezembro de 2018 um novo mapa, chamado Sounding Nature. Até o momento, ele é composto por quase 500 sons de 55 países. Entre eles, o som de chuvas, de babuínos, galos cacarejando etc.

As gravações são enviadas de forma colaborativa, e depois, usadas por musicistas como base para a composição de faixas musicais. Em entrevista ao site focado em tecnologia e cultura The Verge, o criador do projeto, o compositor Stuart Fowkes, afirmou que o objetivo é gerar uma reflexão sobre as formas como ecossistemas vêm sendo modificados pelos sons gerados pela humanidade.

“Queríamos jogar luz sobre como o barulho que fazemos como seres humanos pode ter um impacto sério e dramático sobre o mundo natural. Não estamos falando apenas sobre animais ficando irritados, estamos falando sobre mudanças psicológicas e no habitat”

Stuart Fowkes

Criador do projeto Cities and Memory, em entrevista ao site The Verge

 

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes

Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!